Skip to main content
cinta-abdominal-para-perder-barriga-ja

Usar Cinta Abdominal Ajuda a Perder Barriga? Guia Revela Tudo Agora

Muitos homens e mulheres sempre estão em busca de um corpo mais bonito e atraente, tanto para sentirem-se bens consigo mesmos quanto para ajudar na hora da conquista.

Hoje em dia, é vendido um grande número de produtos que garantem o emagrecimento rápido.

Veja:

Eles prometem, inclusive, a perda dos quilinhos a mais na região do abdômen, famoso por facilmente acumular as gordurinhas localizadas, que tanto incomodam e são mais difíceis de perder, principalmente, após a chegada à casa dos 30 anos.

Um acessório bastante procurado, especialmente, pelo público feminino, é a cinta abdominal.

Atualmente, ela é facilmente encontrada, tanto em lojas de lingerie e demais peças de vestuário quanto em lojas especializadas.

Mas, afinal, será mesmo que usar cinta abdominal ajuda a perder barriga?

Para saber qual a resposta dessa pergunta, reunimos todas as informações sobre o assunto, as quais vão ajudar você a decidir se vale a pena investir em uma cinta de barriga.

Confira as dicas lendo esse artigo até o final e tire todas as suas dúvidas a respeito do tema.

Vamos lá!

 

Cinta para perder barriga funciona?

cinta para perder barriga funciona

Ter uma cintura fina é o desejo de muitas mulheres que sabem como essa é uma característica valorizada esteticamente.

No entanto, também é importante para a saúde evitar que os quilinhos a mais se acumulem ao redor do abdômen.

Vale lembrar que a gordura, quando se torna excessiva nessa região, é considerada um fator de risco para muitas doenças, como os problemas de coração, diabetes, pressão alta e outros.

Isso porque a gordura abdominal, também chamada de gordura visceral, prejudica o bom funcionamento dos órgãos internos.

Claro que existe uma grande diferença entre estar com alguns quilinhos a mais na região da cintura e estar com excesso de gordura a ponto de se tornar perigosa para a saúde.

No entanto, quem possui propensão a ganhar peso na região do abdômen deve desde cedo se cuidar.

 

Usar cinta ajuda perder barriga?

A verdade é que a cinta abdominal pode auxiliar a modelar a cintura, sendo que ela é um acessório que comprime o abdômen, deixando-o mais liso, mas isso acontece apenas enquanto a pessoa estiver usando a cinta.

Mesmo as cintas de barriga para uso prolongado, que prometem a redução de medidas, conseguem somente remodelar a cintura, sem que haja uma perda de peso.

De qualquer forma, ela é útil e pode ajudar a alcançar os objetivos desejados quando tiver como aliados uma alimentação saudável e as atividades físicas.

 

Alimentação equilibrada e exercícios físicos

alimentação equilibrada e saudavel

A questão é que perder os quilinhos a mais de partes do corpo específicas, de maneira isolada, não é possível, nem mesmo quando se trata em reduzir as medidas da cintura.

O que pode ser feito sim é aliar um cardápio equilibrado com a prática de exercícios físicos.

Uma alimentação de qualidade vai evitar o ganho de peso e até mesmo a redução no médio prazo dos quilinhos a mais.

Assim, se você ingerir menos calorias do que gasta, causando um déficit calórico, o organismo começa a usar a gordura acumulada como energia.

Para potencializar esse trabalho e conseguir resultados no curto prazo, é importante aliar à rotina as atividades físicas.

Com isso, a queima de calorias será maior porque o corpo estará exigindo muita quantidade de energia.

Portanto, usar cinta para ajudar a perder barriga apenas vai funcionar se além de vestir o acessório por um tempo prolongado você começar a ter uma alimentação saudável e praticar exercícios físicos eficientes que promovam um alto gasto energético.

 

 

Cinta para barriga – Tudo que você precisa saber

cinta para barriga

Já que a preocupação em manter o corpo em forma é prioridade para um grande número de homens e mulheres, a mesma atenção se deve ter ao escolher as técnicas utilizadas para alcançar os seus objetivos.

Informação é o que você tem de mais importante em suas mãos na hora de optar por isso ou por aquilo.

Desse modo, é de extrema necessidade que você esteja muito bem informado sobre tudo o que diz respeito ao uso da cinta abdominal. Veja:

 

 

O que é cinta abdominal?

o que e cinta abdominal

A cinta abdominal se assemelha a um espartilho, sendo que as de uso prolongado devem ser confortáveis e apertar, mas não de maneira excessiva.

Caso contrário, o acessório pode causar problemas de circulação de sangue e até mesmo no sistema respiratório.

Problemas respiratórios podem ocorrer em decorrência da pressão que a cinta faz na parte inferior do tórax.

Além das cintas modeladoras que são usadas por períodos prolongados para afinar a cintura, existem os modelos indicados por médicos.

Eles facilitam a cicatrização e evitam que os pontos internos se abram, após procedimentos cirúrgicos, como a abdominoplastia (cirurgia plástica de remoção de excesso de gordura e de pele do abdômen) ou a cesariana.

Para esses casos a cinta é recomendada porque ela limita a contração dos músculos da região abdominal. Mesmo assim, em geral, não é aconselhado que o acessório seja usado por mais de quatro horas diárias, caso contrário, pode oferecer complicações.

 

O que o uso incorreto da cinta pode causar

Quando usada por um período excessivo de tempo ou apertada em demasia, a cinta pode prejudicar a contração natural dos músculos do abdômen.

Se isso acontecer quem usa o acessório pode ficar com os seus músculos fracos.

A ironia é que, se usada de forma inadequada, portanto, a cinta pode causar a flacidez na barriga. Ou seja, de nada vai adiantar usar a cinta para deixar a cintura mais fina se a região se tornar flácida.

Por isso é necessário seguir as orientações de uso. No entanto, não são apenas esses os efeitos colaterais de usar o acessório de maneira errônea.

Outros problemas são má digestão e prisão de ventre. Além disso, nunca se deve dormir com a cinta.

Outra ironia de usar a cinta em excesso e muito apertada é que ela pode favorecer o aparecimento de varizes.

Isso pode ocorrer devido ao aumento da pressão intra-abdominal provocada por ela, o que vai resultar na diminuição do retorno venoso, contribuindo para as varizes surgirem.

 

O que você precisa saber antes de usar cinta

usar cinta

Se você deseja investir no acessório, deve entender bem o seu funcionamento!

A cinta de barriga possui o objetivo de modelar o seu corpo, inclusive, quando estiver usando-a. Além disso, alguns modelos quando vestidos de modo prolongado podem oferecer resultados permanentes.

Mesmo assim, o aconselhado é que todas as pessoas que decidirem usar o acessório busquem orientação de um profissional.

Você pode conversar com o seu médico e pedir a sua opinião, sendo que indivíduos com problemas de coluna ou predisposição a eles deve ter um cuidado redobrado.

Se a cinta for usada de maneira errada, mais apertada do que o normal, pode haver ainda danos na coluna. Por isso mesmo, de forma alguma ela deva ser usada durante as atividades físicas.

Vale lembrar que a melhor maneira de praticar exercícios é com roupas e calçados confortáveis, além de, é claro, estar bem protegida da exposição solar, o que pode ser feito aplicando protetor solar na pele e usando boné ou chapéu e óculos escuros.

Para uma atividade física que proporcione ainda resultados de forma saudável é imprescindível que você esteja bem hidratada.

Quem sair para a rua nos dias quentes para se exercitar deve levar consigo uma garrafinha de água. Porém, o recomendado é evitar os horários mais quentes do dia.

 

 

Afinal, cinta ajuda a emagrecer?

Cinta ajuda a emagrecer

Quando a cinta de barriga integra uma rotina de bons hábitos, que inclui uma alimentação saudável e equilibrada e a prática de atividades físicas, é possível sim que usar cinta ajuda perder barriga.

No entanto, nesse caso, a cinta é apenas um coadjuvante, ou seja, sozinha não tem o poder de fazer com que quem a use perca os quilinhos a mais indesejados.

A verdade é que até mesmo os exercícios sozinhos não adiantam em nada quando a ideia é emagrecer, principalmente, reduzir as medidas da cintura.

Os abdominais são exercícios muito eficientes e que ajudam a fortalecer os músculos da região do abdômen, mas sozinhos também não emagrece quem os pratica.

A questão é que ao praticar atividades físicas as calorias queimadas estão em diversas partes do corpo.

Não é porque o exercício trabalha mais o abdômen que a perda de peso vai ser localizada, uma vez que a queima calórica acontece de maneira generalizada.

Porém, dependendo do organismo de cada pessoa, a gordura acumulada nas pernas, coxas, bumbum, braços, etc pode ser eliminada primeiro.

 

Como emagrecer a cintura

como emagrecer a cintura

Os quilinhos a mais estocados na barriga costumam ser até mais difíceis de perder na medida em que a idade avança.

Isso porque é na cintura onde existe uma tendência maior para a gordura corporal se acumular. Essa é mais uma razão para tornar permanentes os bons hábitos na sua vida.

Nesse sentido, a alimentação ganha um papel importante, pois quando se reduz a quantidade de alimentos ingeridos, ou seja, se consomem menos calorias do que as gastas diariamente promove-se um déficit calórico.

Esse déficit é o que permite o emagrecimento.

No entanto, não se pode apenas focar em comer menos, mas também e até mais importante comer com qualidade.

Isso significa que você não precisa contar as calorias dos alimentos, mas sim, dar preferência aqueles aos mais frescos e saudáveis, como as frutas, verduras e legumes.

É necessário ainda que a sua dieta contenha proteínas magras, grãos integrais e sementes, uma vez que todos esses alimentos saciam a fome por mais tempo e isso quer dizer que você não vai sentir fome toda a hora.

 

O que evitar para emagrecer

alimentos processados evite para emagrecer

Alimentos industrializados devem ser evitados para perder peso e promover a sua saúde.

Na sua grande maioria são ricos em calorias vazias, as quais são chamadas assim porque não são nutritivas. Por conta disso, depois de pouco tempo que são ingeridas é normal que a fome apareça novamente.

Trocando em miúdos é melhor comer alimentos mais calóricos, desde que saudáveis, do que consumir produtos com poucas calorias e sem valor nutritivo algum.

No final do dia, você vai ter ingerido menos alimentos, porém, mais nutritivos e saudáveis, que saciam mais.

Mesmo conseguindo emagrecer com uma dieta saudável, é importante entender que os exercícios ainda continuam imprescindíveis.

Hoje em dia, é possível escolher entre uma grande variedade de atividades físicas, sem que isso signifique ter que ir à academia.

 

Tem que ir à academia?

ir a academia

Embora existam muitas pessoas que gostem, a verdade é que é significativo também o número de homens e mulheres que se entendiam ao frequentar a academia, por causa dos movimentos repetitivos.

Além disso, quem tem um dia a dia muito movimentado pode simplesmente não ter tempo. O deslocamento até a academia, a duração da aula e o tempo que se leva até chegar em casa demanda algumas horas.

Existem pessoas que preferem gastar esse período de outra maneira, estando com a família ou mesmo tendo um tempo para si mesmo.

Outro fator que pode atrapalhar a ida à academia é o orçamento, já que nem sempre se consegue encontrar estabelecimentos com preços acessíveis.

De qualquer forma, vale a pena lembrar que existem muitas formas de se exercitar mesmo sem ir à academia.

Caminhadas, andar de bicicleta, correr, pular corda e mesmo dançar são atividades muito saudáveis e eficientes para quem deseja emagrecer.

Porém, eu não conheço nenhuma alternativa tão eficiente como o Queima de 48 Horas para emagrecer como a Tauana Freitas, que emagreceu 8 Kg, veja seu depoimento abaixo.

tauana freitas depoimento q48

Além disso, é possível praticar um esporte, arte marcial ou mesmo fazer ioga.

A verdade é que o melhor para o seu corpo são as atividades que lhe proporcionem prazer em praticar.

E mais, não é só quem precisa perder peso que deve incluir na sua rotina os exercícios físicos, eles são essenciais para manter não só a boa forma como também a saúde em dia.

 

Usar cinta diminui a barriga?

Usar cinta diminui a barriga

Assim como a cinta de barriga sozinha não ajuda a emagrecer, o mesmo acontece com a redução das suas medidas.

Para diminuir o abdômen é preciso que haja perda de peso, o que o acessório não promove de forma direta, mas sim, colabora se existirem outros cuidados.

As cintas modeladoras de uso prolongado podem até dar a impressão de redução da barriga, uma vez que elas ajudam a modelar a cintura, tornando-a mais fina.

Esse efeito costuma ser observado enquanto a pessoa está vestindo o acessório.

Mas ao retirá-lo, tudo volta ao lugar, por outro lado, se você também tiver os cuidados adicionais de uma alimentação saudável e a prática de atividades físicas, a cinta pode potencializar os resultados obtidos com os bons hábitos em sua vida.

Quem deseja deixar a sua barriga lisa deve saber ainda que embora os abdominais ganhem muito crédito por fazerem o trabalho, eles não são os exercícios que mais queimam calorias.

Na verdade, os abdominais são muito eficientes para fortalecer os músculos, evitando a flacidez.
Isso por si só é muito importante para a boa forma, mas para perder os quilinhos a mais é preciso apostar nas atividades aeróbicas, que são aquelas que promovem um alto gasto calórico, como as corridas, subir e descer escadas, pular corda e mesmo caminhar.

 

Quais os melhores exercícios para emagrecer

melhores exercicios para emagrecer

O melhor na hora de montar o seu treino é investir em exercícios de diferentes modalidades, que trabalhem partes distintas do corpo.

Além disso, a frequência é fundamental e para a atividade física surtir efeito é preciso que ela seja feita pelo menos três vezes por semana.

Para ter um treino completo, portanto, é importante intercalar os exercícios aeróbicos, com alto gasto calórico, e a ginástica localizada, que vai trabalhar músculos, desenvolvendo-os e fortalecendo.
Nesse sentido, é possível também apostar na musculação.

Mesmo em casa você pode montar um treino bem completo, sendo que hoje em dia por preços acessíveis podem ser adquiridos alteres, tatames e outros acessórios para você se exercitar em casa de forma eficiente e segura.

Já na hora de fazer os abdominais, vale dizer ainda que embora seja o mais conhecido, o abdominal tradicional é o menos eficiente quando comparado aos seus demais tipos.

Os abdominais com elevação de pernas e os laterais são mais indicados para trabalhar os músculos da barriga.

 

Modelos de cintas para barriga

Modelos de cintas para barriga

É possível, atualmente, encontrar muitos modelos de cinta abdominal, como aqueles que se assemelham a espartilhos.

Alguns são para uso prolongado e outros servem para usar esporadicamente.

Os de uso esporádico são perfeitos para quem deseja ir a uma festa com aquele vestido mais justo. Desse modo, ao usar a cinta de barriga o visual fica mais bonito porque tudo fica bem firme e sem marcar a roupa.

Há também as cintas de uso prolongado, que até prometem a redução de medidas, mas como já foi dito só funcionam se os hábitos saudáveis forem agregados ao seu dia a dia.

Existem modelos variados desse tipo de cinta, sendo que eles podem ir dos seios aos joelhos.

Outros modelos menores também estão disponíveis, os quais são indicados ainda para o pós-operatório, quando ajudam na recuperação do corpo.

Nesse sentido, é comum que as mulheres, inclusive, as que passaram por cesariana, o utilizem também, a fim de ajudar os órgãos a voltarem para o lugar.

No entanto, independente do motivo que você tem para usar a cinta para a barriga, o melhor é que haja a orientação de um profissional, uma vez que existem riscos à saúde quando o acessório é utilizado de maneira inadequada ou por um período de tempo excessivo.

 

Qual melhor cinta para diminuir barriga?

Qual melhor cinta para diminuir barriga

A melhor cinta de barriga para reduzir a cintura vai depender dos objetivos de cada pessoa que for usá-la.

Quem deseja apenas diminuir a barriga enquanto estiver usando uma roupa mais justa, por exemplo, como um vestido em uma festa pode optar pelas cintas mais simples.

Elas costumam contar com babados e transparências, assemelhando-se a lingeries, e por causa disso mesmo não pode ser usadas com muita frequência, apenas ocasionalmente, em momentos especiais.

Já as cintas que prometem resultados mais duradouros podem ser encontradas de vários tipos também.

Uma delas é a semelhante ao espartilho, com um tecido bem grosso, além de existirem os modelos mais indicados para o pós-parto e o pós-cirúrgico.

Essas últimas costumam ser de cor bege e serem mais finais e bastante maleáveis, tornando-se mais seguras e confortáveis.

Independente do modelo, entretanto, é preciso estar bem atenta ao acabamento.

Se a ideia é permanecer com o acessório por horas não podem ter costuras, ganchos e outras partes que possam machucar a pele.

 

Quais são os modelos de cintas de barriga

As cintas modeladoras também são encontradas em modelos variados, sendo que algumas delas não abraçam apenas o abdômen, como as cintas em formato de espartilhos, mas sim, podem começar nos seios e se estender até os joelhos ou um pouco abaixo deles.

Mesmo para usar com um vestido em uma ocasião especial esses modelos são mais eficientes, uma vez que o seu tecido é bastante liso, evitando marcas sobre a roupa.

Está na moda ainda um tipo semelhante de cinta abdominal, mas que leva o nome de cinta fitness.

Ela está sendo usada, principalmente, pelas celebridades e por isso ganhou tanta fama em pouco tempo.

Porém, existem especialistas que não indicam essa cinta, aliás, nenhuma delas, para a prática de exercícios, pois elas limitam os movimentos, o que é prejudicial ao malhar.

Na realidade, existe muita polêmica sobre o assunto, porque é possível encontrar em lojas as faixas ou coletes que se assemelham às cintas e que são usados para corrigir a postura.

Por conta disso, acredita-se que a cinta de barriga também possa colaborar com a postura.

Isso é verdade em termos, já que ela pode ser benéfica para alguns problemas na coluna, mas também causar danos quando não for usada corretamente, ainda mais se isso for feito durante atividades físicas.

O mais importante, então, é avaliar bem qual modelo você vai escolher e de preferência ter a orientação de um médico da sua confiança.

 

Que tipo de cinta ajuda no pós-parto?

Que Tipo De Cinta Ajuda No Pos-parto

Quando a cinta é usada com o objetivo de ajudar os órgãos a voltarem para o seu devido lugar após o parto o melhor é buscar os modelos mais confortáveis, como os modeladores, e não do tipo espartilho.

Embora os especialistas afirmem que depois da mulher dar à luz ao seu filho o seu corpo volta ao normal aos poucos mesmo sem a ajuda da cinta, em alguns casos ela pode ser até mesmo recomendada, inclusive, se a mulher passou por cesariana.

Isso porque esse procedimento resulta em pontos e cicatrizes, sendo que essas consequências podem ser melhores recuperadas com o uso do acessório.

Devido aos pontos, usando a cinta a mulher pode se sentir mais segura para tossir e se movimentar.

Além disso, o acessório pode ajudar na redução da flacidez e do inchaço, comuns de ocorrer depois do nascimento do bebê.

 

Quais os modelos para o pós-parto

pos parto

Os modelos de cinta modeladores incluem:

  • Cinta sem pernas de cintura baixa
  • Cinta sem pernas de cintura alta
  • Cinta de busto para amamentação
  • Cinta com pernas acima do joelho

Além de velcro, as cintas podem contar com zíper para facilitar o seu uso, inclusive, na hora de ir ao banheiro.

Quando a mulher decide usar a cinta pós-parto é importante saber ainda que em caso de cesariana ela pode iniciar a sua utilização logo após o nascimento do bebê.

Em termos médicos ela precisa ser usada somente até o terceiro mês após o parto.

Quem quiser usar mais tempo também deve conversar com o profissional da saúde. Já quem teve parto normal, por outro lado, deve esperar passar o primeiro mês para então vestir a cinta.

Imagine fazer exercícios em casa por 7 minutos ao dia e emagrecer 8 Kg em 7 semanas? Foi exatamente o que aconteceu com a Tauana Freitas. Conheça agora o seu método de uso!

Como emagrecer a barriga com saúde

1) Crie metas

Cinta Abdominal Ajudar emagrecer - crie metas

Independente de usar cinta para ajudar a perder barriga ou não, o mais importante é definir objetivos de modo bem claro para você.

Somente dessa forma é que se torna viável alcançá-los de maneira eficiente. E a partir disso definir o que você vai fazer.

Não adianta, por exemplo, você querer emagrecer e começar os exercícios físicos se não tem o cuidado necessário com a sua alimentação. Ou seja, é preciso agir de forma condizente com as metas que criou.

Também é importante na hora de criar metas ser realista e definir objetivos viáveis.
Se você precisa perder 10 quilos, por exemplo, não pode definir que vai conseguir isso em duas semanas.

Um tipo de meta dessa magnitude exigiria um déficit calórico muito grande e não é nada saudável para o corpo emagrecer demais em pouco tempo.

Lembre que você não chegou ao peso em que está da noite para o dia, então, nada mais normal do que eliminar os quilos a mais aos poucos.

 

2) Não desista

Abdominal Perder Barriga nao desista

Ao criar metas não é preciso ter pressa, sendo importante ainda iniciar com objetivos menores, como perder três quilos em um mês.

Para algumas pessoas a perda de peso é mais difícil, uma vez que isso tem a ver com o seu metabolismo.

E mesmo com muito esforço os resultados podem demorar, mas não significa que você não esteja fazendo a coisa certa. Por isso, outra dica é não desistir se você não está vendo os resultados na balança.

Além disso, para algumas pessoas é comum perder vários quilos em pouco tempo e depois o emagrecimento frear e você simplesmente não conseguir emagrecer mais.

Isso pode acontecer quando se faz dietas muito radicais.

Mas também é comum quando os seus quilinhos a mais na verdade eram devido à retenção de líquidos, que incha o abdômen dando a falta impressão que se trata de gordura acumulada.

Uma alimentação rica em fibras e com a ingestão de dois litros de água por dia pode ser o suficiente para você perder todo o líquido em excesso do seu corpo.

Assim, você se sente mais leve em pouco tempo, mas para perder a gordura mesmo pode demorar um pouco mais.

 

3) Tenha mentores

Cinta Abdominal Ajuda a Perder Barriga - tenha mentores

Ninguém nasce sabendo de como as coisas funcionam, muito menos de como emagrecer, ainda mais porque não raro as pessoas não recebem a orientação certa sobre os bons hábitos de alimentação, que são tão simples e podem fazer tanto por você.

Por isso, é importante buscar informações de profissionais sérios, que sabem do que estão falando e são especialistas no seu campo de atuação.

Isso se refere tanto na hora de buscar dicas de como emagrecer com saúde, quais são os melhores exercícios físicos, etc.

Mesmo quem não vai à academia deve ter a orientação de um profissional capacitado para lhe dar as dicas mais eficientes para perder peso, reduzir a barriga e chegar ao seu peso ideal.

Você que busca um guia para praticar exercícios com qualidade e que ofereçam resultados duradouros está convidada a se cadastrar em nossa lista.

Deixe o seu email no final do artigo para receber mais informações e conhecer os benefícios do programa de emagrecimento Queima de 48 horas.

Imagine fazer exercícios em casa por 7 minutos ao dia e emagrecer 8 Kg em 7 semanas? Foi exatamente o que aconteceu com a Tauana Freitas. Conheça agora o seu método de uso!

 

Comece hoje a emagrecer com saúde!

emagrecer hoje

Agora que você já sabe a resposta à pergunta usar cinta abdominal ajuda a perder barriga, está na hora de começar a integrar a sua vida uma alimentação saudável e equilibrada e os exercícios físicos, uma vez que apenas com esses aliados é possível perder barriga com saúde.

Você pode usar a cinta de barriga ou não, mas independente da sua escolha, o mais importante é cultivar bons hábitos em sua vida e não apenas se você estiver acima do peso, mas também se você deseja apenas manter a boa forma ou mesmo ganhar alguns quilinhos.

Uma alimentação equilibrada com alimentos frescos, de preferência não industrializados, é o segredo para manter o bom funcionamento do corpo. Mas isso não significa que você deve passar fome, muito pelo contrário.

É preciso consumir carboidratos complexos, proteínas magras, grãos integrais, vegetais e sementes.
Além disso, quem deseja incluir os exercícios em sua rotina deve ter uma boa alimentação, porque o corpo precisa de energia para se exercitar.

Por isso, mais importante do quanto comer é avaliar a qualidade do que comer.

Imagine fazer exercícios em casa por 7 minutos ao dia e emagrecer 8 Kg em 7 semanas? Foi exatamente o que aconteceu com a Tauana Freitas. Conheça agora o seu método de uso!