Skip to main content
receitas dieta detox 7 dias

A Dieta Detox Com Suas Receitas e Alimentos Detona Ou Não O Excesso De Gordura Do Corpo?

A dieta detox é amplamente divulgada e muito promovida, inclusive, pelos famosos, o que a tonou bastante popular. O seu cardápio pobríssimo em calorias garante a perda de peso e a desintoxicação do organismo. Por mais que aparentemente as suas promessas sejam muito atraentes, é importante fazer algumas considerações.

A primeira delas é que as suas receitas e alimentos mais frequentes, como frutas e legumes, são realmente importantes, não apenas para quem deseja emagrecer, como também a todos que buscam uma alimentação saudável.

Por isso, as:

  • Frutas frescas;
  • Verduras cruas ou cozidas na água;
  • Legumes e mesmo sucos feitos com esses ingredientes não só podem como devem entrar no cardápio diário;

 

O grande problema

No entanto, algumas versões (existem várias delas) da dieta detox 7 dias sugere que nos dois primeiros dias a pessoa apenas consuma líquidos, em forma de chás, shakes, sucos e outros.

Além de ser uma medida bastante difícil de seguir é também perigosa, pois o organismo precisa de carboidratos e proteínas para manter-se disposto e mesmo de pé para as atividades do dia a dia.

Além disso, nos demais dias da dieta, embora os alimentos sólidos entrem, eles estão presentes em pouquíssimas quantidades, o que mais uma vez é difícil de seguir.

Esse não é o único entrave, pessoas ativas que estudam, trabalham e realizam demais tarefas não recebem a quantidade de energia necessária para desempenhar as suas funções. Assim, a dieta detox não pode ser feita por mais do que uma semana, pois é inviável para a saúde do organismo.

Como se isso não fosse suficientemente preocupante, a questão é que mesmo quando há uma perda de peso, o que é possível sim, eles tendem a voltar logo depois que a dieta chega ao fim, o que é bastante frustrante.

 

A dieta detox 3 dias é uma alternativa?

Como uma alternativa à dieta detox que dura uma semana existe a dieta detox 3 dias.

Embora ela apresente os mesmos problemas do cardápio prolongado, por ter uma duração menor, os efeitos colaterais são amenizados. Dessa forma, ela pode servir como uma dieta de emergência para quando você quer entrar em um vestido para ir a uma festa, por exemplo.

Mesmo assim, é preciso saber que logo após o término da dieta os quilos perdidos voltam, ou seja, definitivamente não é uma dieta com resultados duradouros. Mas isso não acontece apenas com a dieta detox, todas as dietas restritivas oferecem resultados que duram pouco.

Quem faz essas dietas sente-se frustrado, achando que fez algo de errado, mas não é essa a questão.

 

A redução causa isso

Quando uma pessoa reduz muito a quantidade de calorias que ingere por dia, o organismo reduz o seu metabolismo, como uma forma de preservação, pois agredida que o indivíduo esteja passando por um período de falta de alimentos.

Ele não entende que é você querendo emagrecer!

No começo de uma dieta restritiva ocorre a perda de peso, mas dura pouco, porque é o organismo entrando no modo econômico. Mesmo que você seguisse a dieta por mais tempo que o recomendado não adiantaria. Com o passar dos séculos o organismo aprendeu a sobreviver, inclusive, em épocas de falta de alimentos, crises, guerras, etc.

Quando algo parece errado ele reserva as suas energias para que a pessoa possa sobreviver por mais tempo, com o mínimo de alimentos. O desejo de emagrecer do ser humano é muito recente comparado à história da humanidade e por isso o organismo não entende ainda que as pessoas querem perder peso de propósito.

 

Receitas detox para integrar um cardápio saudável

A dieta detox tem o objetivo de eliminar as toxinas do organismo ao consumir uma maior quantidade de líquidos. Isso é realmente verdadeiro e importante. A água ajuda a limpar o corpo e por isso é indicado beber dois litros de água todos os dias.

No entanto, não é preciso apenas consumir líquidos durante todo o dia para o efeito desintoxicante acontecer.

O organismo possui os seus próprios mecanismos para desintoxicar-se, como os rins, intestinos e fígado que sabem como eliminar substâncias indesejadas. A redução do consumo de produtos industrializados também promove a desintoxicação, já que são eles os responsáveis pelo corpo receber uma grande quantia de substâncias químicas desnecessárias e danosas.

 

Moderação para incluir as receitas

Mesmo assim, com moderação é possível incluir as receitas detox no dia a dia, inclusive, os seus sucos, que são feitos a partir de frutas e verduras, principalmente.

Uma dica é escolher entre maçã, melão, abacaxi, laranja e bater no liquidificador com verduras de folhas verdes escuras, como espinafre, couve, salsa, rúcula e outros. Todas essas opções são ricas em vitamina e minerais, além de serem diuréticos.

Vale lembrar ainda que diferente do que se pode imaginar, a dieta detox não detona o excesso de gordura do corpo, pois o que ela elimina é principalmente água. Isso acontece porque as receitas detox incluem especialmente água e ingredientes que ajudam a fazer xixi.

Nesse momento, líquidos e toxinas são eliminados, ajudando ainda a reduzir o inchaço da barriga. Ou seja, mesmo que a balança mostre que você perdeu peso, na realidade eliminou somente líquidos, mas não gordura.

Para queimar gordura é preciso fazer atividades físicas (as do dia a dia e os exercícios), quando existe o aumento do metabolismo e a consequente queima de calorias. De qualquer forma, eliminar líquidos já é suficiente para perder medidas no abdômen.

 

Quais os melhores alimentos detox

Legumes, verduras e frutas de forma geral entram na lista dos melhores alimentos detox, sendo que aqueles que possuem mais quantidade de água são os mais indicados para integrar o cardápio, já que por isso são mais diuréticos também.

Além dos sucos detox, é possível ainda ingerir verduras e legumes durante o almoço e a janta.

Entre os principais alimentos com efeito desintoxicante estão os seguintes:

  • Alcachofra;
  • Aspargo;
  • Beterraba;
  • Brócolis;
  • Repolho;
  • Dente-de-leão;
  • Couve;
  • Açafrão;
  • Agrião;

Os alimentos termogênicos também devem entrar no cardápio, pois aumentam o metabolismo e, por consequência, a queima de calorias. Entre eles, destacam-se os seguintes:

  • Alho;
  • Gengibre;
  • Chá Verde;
  • Limão

 

O efeito diurético desses alimentos

Eles também possuem efeito diurético e, por isso, podem entrar nas receitas de sucos detox, saladas e mesmo na preparação dos pratos principais.

O limão é especialmente indicado para os sucos, pois ajuda a dar um sabor especial, da mesma forma o gengibre. Ainda entre os alimentos detox, a erva de trigo é outra opção, sendo o principal ingrediente do suco verde, outra receita detox muito saudável e nutritiva.

Embora os sucos das dietas detox possuam ingredientes saudáveis e, por isso, podem fazer parte do dia a dia de qualquer pessoa, vale lembrar que as frutas e legumes não devem ser apenas bebidos. Melhor do que consumir um suco é comer a fruta, pois assim uma maior quantidade de fibras é ingerida.

Esses nutrientes além de serem essenciais para o bom funcionamento do organismo, também aumenta a saciedade, fazendo com que a fome demore mais para chegar. Mastigar é outra medida importante, que ajuda a emagrecer, por isso se diz que os alimentos devem ser consumidos devagar e bem mastigados.

Quando inicia a mastigação, o cérebro recebe a informação que está recebendo alimentos, sendo assim, a fome é saciada com mais facilidade. Já quando você bebe algo o cérebro não recebe a mesma informação, dessa forma, as bebidas alimentam menos.

Outro ponto importante é que mesmo bebendo chás e sucos, é essencial ingerir água, pois ela não é substituída por nenhum outro líquido.

 

Não é preciso seguir o cardápio ao pé da letra

Agora que você já sabe como funciona a dieta detox pode apenas tirar proveito dos seus aspectos positivos, como um maior consumo de líquidos, frutas, legumes e verduras. No entanto, não é preciso seguir o seu cardápio ao pé da letra.

É importante dizer ainda que a detox dieta como as demais dietas restritivas causam efeitos colaterais.

Devido à ingestão insuficiente de calorias, são comuns sintomas como:

  • Dor de cabeça;
  • Fraqueza;
  • Tontura;
  • Dor nos músculos;
  • Baixos níveis de açúcar no sangue (o que não é nada benéfico a sua saúde e pode acarretar problemas futuros);

Pense duas vezes antes de iniciar uma dieta desse tipo!

Além de exigir sacrifícios de sua parte, ela pode se mostrar frustrante ao final, uma vez que o ganho dos quilos perdidos ao seu final é inevitável.

 

Conclusão

Se você quer perder peso sem deixar de comer, além de alcançar resultados duradouros, deve investir na reeducação alimentar. Já que o método não exige mudanças radicais o emagrecimento é mais lento, mas sem sofrimentos e quando os efeitos positivos aparecem eles são duradouros.

Quem adere a esse método aprende a escolher os melhores alimentos para as suas refeições, que são mais saudáveis, eliminar os industrializados e desenvolver bons hábitos.

Entre eles, dormir em torno de oito horas, comer a cada três horas, beber muita água, mastigar bem os alimentos, comer devagar e exercitar-se com as suas atividades preferidas, como caminhar, andar de bicicleta, pular corda e mesmo dançar.